[BOOK REVIEW] WILL & WILL POR DAVID LEVITHAN E JOHN GREEN

| |

Sinopse: Amor adolescente, intriga, raiva, sofrimento e amizade. Tudo isso temperado com doses maciças de comédia. Prepare-se para o universo de 'Will & Will'. E para pérolas de sabedoria que vão mudar sua vida... Ou pelo menos aumentar o número de curtidas no Facebook. Em uma noite fria, em uma improvável esquina de Chicago, Will Grayson encontra... Will Grayson. Os dois adolescentes dividem o mesmo nome. E, aparentemente, apenas isso os une. Um Will é amigo do mais expansivo gay de sua escola. O outro precisa explicar a própria mãe sua orientação sexual. Mas mesmo circulando em ambientes completamente diferentes, os dois estão prestes a embarcar em uma aventura de proporções épicas.


Tenho que começar essa resenha falando que eu peguei esse livro para ler com um pé atrás, já tinha lido outros dois livros do John Green, e um livro e alguns contos do David Levithan, e tinha detestado ambos, essa seria minha "última chance" para os autores, e não me arrependi nem um pouco de ter dado esse voto de confiança.

"As coisas que você mais quer são as coisas que te destroem no fim."


'Will & Will' se destaca dos outros livros de YA por ser mais do que só mais um romance qualquer, é um livro completo que debate de forma inteligente temas complicados como: homossexualismo, amizade, depressão e a relação dos adolescentes com a internet.
Os personagens são interessantes, e pela primeira vez em uma história do David Levithan os personagens gays não são o esteriótipo estereotipado do esterótipo, e consegue encaixar pela primeira vez um romance realmente interessante e profundo, tratando o assunto de forma descontraída e inteligente.

"-[...] Isso é tão estúpido, Tiny! Quero dizer, meu Deus, quem se importa com a porra do sexo?! As pessoas agem como se essa fosse a coisa mais importante que os seres humanos fazem, mas vamos combinar. Como pode a porra das nossas vidas evoluídas girar em torno de algo que as lesmas podem fazer? Quero dizer, tudo gira em torno de quem você quer foder e se você fode com essa pessoa? Essas perguntas são importantes, eu acho. Mas não tão importantes assim."


Entre cenas engraçadas e dramáticas, os autores abordam muito bem assuntos típicos do dia-a-dia e destrincham e expõem as formas ridículas como tratamos nossos relacionamentos, e não só os relacionamentos amorosos, as amizades também. Fugindo da mesmice e da babaquice como os adolescentes normalmente são retratados em YA, Levithan e Green fazem um ótimo trabalho nesse ponto, criando personagens possíveis e reais, que tem de tratar com assuntos muito mais do que "será que ele vai me beijar ou não" (que é praticamente o que 70% dos livros do gênero estão tratando hoje em dia).

"É por isso que chamamos as pessoas de ex, acho - por que os caminhos que se cruzam no meio acabam se separando no fim, é muito mais fácil ver esse x como uma anulação, mas não é, por que não tem como anular uma coisa assim, o x é um diagrama de dois caminhos."


Para resumir, 'Will & Will' recuperou minhas esperanças no gênero, e me mostrou um lado diferente desses autores que eu já conhecia, David e John juntos conseguiram corrigir os problemas um do outro e produziram um dos livros YA mais divertidos e inteligentes da atualidade.

NOTA: 5/5


2 comentários:

  1. Olá, Jason.
    Você me deixou mais animada agora porque já li dois livros do John Green e um conto e não consegui gostar de nenhum deles. Do David eu gosto. Então quem sabe é esse o livro para mudar a minha opinião sobre o Green hehe. Eu tenho ele aqui em casa e assim que der eu vou ler.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  2. Oi, Jason! Tudo bem? Eu adorei Will & Will. Ele é um livro bem divertido e gostoso de ler! <3 Sua resenha ficou ótima, parabéns! :) Adorei o blog! <3

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir



ÚLTIMAS RESENHAS